Os Transtornos de Aprendizagem no ambiente escolar

ps

Atualmente tornou-se cada vez mais necessário conhecer o universo dos transtornos de aprendizagem da atualidade.
O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade seria um deles. Trata-se de um desvio comportamental, caracterizado pela excessiva mudança de atitudes e de atividades, acarretando pouca consistência em cada tarefa ser realizada. O indivíduo se vê incapaz de manter-se quieto por um período de tempo necessário para que possa desenvolver as atividades de seu dia-a-dia. Este padrão de comportamento se mostra incompatível com a organização do seu ambiente e com determinadas circunstâncias. Crianças e adolescentes hiperativos são frequentemente considerados injustamente, como pessoas inconvenientes, desobedientes, preguiçosos e mal-educados.
A Hiperatividade se identifica em várias fases do desenvolvimento. Porém, torna-se mais evidente na fase pré-escolar ou escolar. Destacam-se os seguintes comportamentos:
• Ao brincar, não consegue ficar muito tempo atenta em uma única brincadeira;
• É a criança que está sempre em todos os lugares;
• Necessita ser vigiada, pois se envolve frequentemente em atividades perigosas;
• Troca de brinquedo com muita frequência (nenhum deles a satisfaz por muito tempo);
• Não consegue ficar sentada à mesa durante as refeições;
• Assiste TV, navega na internet, por tempo limitado;
• Qualquer estímulo pode desviar sua atenção;
• Não finaliza tarefas de maneira adequada;
• É desorganizada com suas roupas, brinquedos ou material escolar;
• Em fase escolar, apresenta período de sono curto ou acorda muitas vezes à noite, chora com muita frequência, sem causa aparente;
• Atrapalha a dinâmica das aulas;
• Fala muito com os outros colegas;
• Não presta atenção e não consegue se concentrar nas atividades;
• Interrompe o professor com frequência;
• Interfere de modo impróprio nas conversas dos outros alunos;
• Tumultua a classe com conversas fora de hora;
• Desempenho global aquém da média esperada.
• Está sempre mudando de escolas, geralmente para as mais “fracas”.

Alguns sub-tipos de TDAH seriam o tipo combinado, o Predominantemente Desatento e o Predominantemente Hiperativo-Impulsivo
O tratamento do TDAH deve ser multimodal, ou seja, o ideal seria ter o acompanhamento de um psicólogo, ou de um psicopedagogo para uma melhor orientação aos pais e professores, além de técnicas específicas que são ensinadas ao portador. A medicação pode fazer parte do tratamento, após o diagnóstico.
Para melhorar a qualidade de vida e garantir um aproveitamento escolar satisfatório para uma criança com TDAH, o colégio e a família precisam estar em fina sintonia. Tanto os pais, quando os professores, orientadores educacionais e o médico que acompanha a criança devem manter um contato estreito. Além do tratamento médico, é fundamental que a criança se sinta em um ambiente adequado e receptivo.
Os professores devem ter jogo de cintura e flexibilidade para ajudar os alunos com TDAH a contornar o problema. A melhor coisa a fazer é se informar e tentar entender o que acontece com esses alunos. Alternar métodos de ensino, escrever na lousa as rotinas e regras a serem seguidas durante as aulas, é fundamental. Atividades curtas, de no máximo 15, 20 minutos, são ideais. Importante separar o aluno de colegas que estimulem seus comportamentos inadequados. Sempre que puder, escrever na lousa em colunas e frases curtas.
Quando surgirem problemas, é importante e imprescindível contar com o apoio de outros profissionais .Lembrar que um diagnóstico bem feito, alivia os sintomas e diminui o sofrimento do aluno e de sua família!

 

Rosangela Andrioli

Psicopedagoga

https://www.facebook.com/rosangela.andrioli?fref=ts

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s